Brasileiras produzem filme em Chicago

Flávia Borges em The Devil Between us (foto por Jason Knade and Kenna Hynes)

Um homem e uma mulher se conhecem no topo de um prédio. Ambos estão pensando em suicídio; será que eles vão conseguir resolver seus conflitos?

Essa é a trama de The Devil Between Us (“O Demônio Entre Nós”), um curta-metragem prestes a ser filmado em Chicago por duas brasileiras. “O conceito inicial do filme partiu de mim,” disse Flávia Borges, atriz que já fez sucesso nos palcos de Chicago, além de ter participado do seriado “The Mob Doctor” e do filme indie The Life and Death of an Unhappily Married Man. “Hoje em dia é quase impossível fazer algo completamente original, que já não tenha sido feito por alguém em algum lugar do mundo. O meu objetivo era criar uma história que acima de tudo, passasse verdade em uma situação extremamente desconfortável e sem saída.”

Flávia logo encontrou uma colaboradora: Lívia Margon, uma carioca que está estudando cinema na School Of The Art Institute of Chicago. “O que me motivou a me envolver nesse projeto é que a premissa da história é muito boa e original. É uma situação sem saída onde os personagens precisam encontrar uma saída de qualquer maneira, isso força certos sentimentos e motivações a serem trazidas à tona,” disse Lívia.

A equipe de trabalho também conta com as americanas Morgan Cranston como diretora de fotografia e Mindy Fay Parks como asistente de direção, e embora a idéia de um filme ser produzido exclusivamente por mulheres possa não parecer nada demais, o fato é que isso é uma raridade na indústria cinematográgica, dando até matéria no New York Times recentemente.


“A questão do time feminino aconteceu de uma forma muito natural, nós já queríamos trabalhar com algumas profissionais das quais admirávamos o trabalho e por coincidência eram todas mulheres,” disse Lívia. “Depois percebemos que apesar disso as mulheres no cinema recebem muita pouca atenção e oportunidade e nós nos sentimos compelidas a chamar atenção para esse problema.”

Gostou da idéia? Então dê uma força! A equipe lançou uma campanha de financiamento coletivo no Kickstarter, e apesar da campanha já ter atingido sua meta de 500 dólares, Flávia explica que a meta foi baixa para garantir verbas (no Kickstarter você só recebe verbas se a campanha tingir sua meta). “Agora que já acabou e nervosismo de garantir um financiamento mínimo, nosso foco é cobrir todos os gastos da produção, por isso qualquer quantia que você puder contribuir vai fazer diferença,” explica ela no seu blog.

[kleo_button title=”Contribua” href=”https://www.kickstarter.com/projects/1591201480/the-devil-between-us-the-devil-between-us” style=”highlight” size=”large” ]

Foto por Jason Knade and Kenna Hynes

Written by Sergio Barreto

Brazilian-American editor, web developer and (occasional) event promoter. As founder and content director for this site, I keep an eye on what's wrong with Brazil, but what really makes my heart beat faster is sharing the exciting things happening in Brazilian tech, music, film, and other creative industries.

Review - 'I Touched All Your Stuff' fascinating, maddening

Review: ‘I Touched All Your Stuff’ fascinating, maddening

Brazilian-helmed short film to shoot in Chicago

Brazilian-helmed short to shoot in Chicago